sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Campanha Ore Pela Sua Polícia e Pelo Brasil tem início no próximo dia 25

Terá início no próximo dia 25 de outubro, domingo, a quarta edição da campanha Ore Pela Sua Polícia, realizada pelos PMs de Cristo, que neste ano traz uma novidade: irá clamar também pelo Brasil.

Todos os anos o evento mobiliza a comunidade evangélica do Estado em uma corrente de oração ao longo de 52 dias, com o objetivo de somar forças na intercessão a favor da Segurança Pública, da transformação do País e de ressaltar a importância do tema como prioridade na vida pessoal e coletiva.

A campanha traz como versículo tema 2 Crônicas 7:14: "E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra" .

O início da campanha será marcado por uma solenidade na capital paulista, na manhã de domingo, dia 25, às 9h30, no auditório do Centro de Operações da Polícia Militar  - COPOM (rua Ribeiro de Lima, 140, Luz). Outras celebrações ocorrerão na data em várias partes do Estado.

Durante os 52 dias de oração, que se encerram em 15 de dezembro, aniversário da Polícia Militar, serão realizados uma série de eventos e ações práticas, como vigílias, cultos temáticos, ronda missionária, além de entregas de devocionais personalizados para a PM em várias unidades policiais, dentre outras ações.

Na prática, estes eventos são organizados e promovidos pelos Núcleos PMs de Cristo que atuam nas unidades policiais de diferentes partes do Estado, em parceria com as igrejas locais, voluntários e colaboradores.

Assim como Neemias foi inspiração para a criação da missão PMs de Cristo, este movimento também fundamenta-se nesta história, comenta o presidente da missão PMs de Cristo, Cel PM Alexandre Marcondes Terra:

“Nossa missão, que reúne abnegados policiais e voluntários cristãos, inspirou-se em Neemias, líder que, sensibilizado pela completa desolação de seus irmãos, buscou ao Senhor e mobilizou a nação para em 52 dias reconstruir os muros de Jerusalém. Semelhantemente, crendo na força da unidade, conclamamos toda a comunidade cristã a se posicionar como bons soldados de Cristo, em oração, para buscarmos juntos a face de Deus e intercedemos pelas autoridades da Segurança Pública e pela transformação do Brasil”.

A campanha foi planejada de forma a respeitar as peculiaridades de cada denominação e permite que o líder da igreja avalie e escolha as formas de participação mais adequadas à sua visão e estrutura local.

De modo geral, há 4 formas de aderir à campanha: inserir na programação de culto semanal, até 15 de dezembro, um período de oração pelas autoridades da Segurança Pública e pela transformação do Brasil; assumir um dia ou mais de oração (relógio 24 horas) entre os membros; além de orar, visitar policiais enfermos, viúvas e órfãos da família policial militar e, além da especial intercessão, as igrejas poderão patrocinar a entrega do devocional personalizado para a PM na unidade policial da comunidade.