segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Missões no Coração de Deus

As Escrituras, definem Missões como fazer “discípulos de todas as nações”. Isto envolve o envio de crentes para comunicar as boas novas da salvação, através da palavra e obras, com a finalidade de fazer discípulos e implantar igrejas.Começando em Gênesis, vemos o coração de Deus e a sua compaixão por um mundo perdido, movendo-o a prometer um Messias para realizar o seu plano e propósito aqui na terra. Vemos a primeira evidência deste modelo na história através de Abraão, enviado por Deus, com a promessa de que através dele, todas as nações da terra seriam abençoadas, tendo o seu ponto culminante, na vinda do Messias, nosso Senhor Jesus Cristo.Através da vinda de Jesus, a ordem universal é dada e compreendida por seus discípulos. Em Mateus 24:14, Jesus disse: “E este evangelho do Reino será pregado em todo o mundo, como testemunho a todas as nações, e então virá o fim.”As missões Quadrangular tiveram seu início no coração de Aimée Semple MecPherson, que em 1907 foi à China, como missionária com seu esposo, Robert Semple. Enquanto ministrava na China, ambos contraíram malária e Robert faleceu. Aimée Semple retornou à América do Norte onde começou o trabalho de desafiar homens e mulheres para o Evangelho ao mundo. Pregando em tendas e em auditórios públicos para grandes multidões na América e em outros países, ela demonstrava uma preocupação para com as almas perdidas. Com o sucesso de seu ministério como evangelista, cada vez mais pessoas eram alcançadas.Missões é amar a Deus acima de todas as coisas. É entender que o amor é a avenida principal que o Senhor usa para transformar vidas.Jesus nos deixou a ordem de ir, então não podemos esperar que os feridos venham até nós, mas vamos até eles. E o grande desafio da vida cristã é continuar a missão deixada por Jesus. E esta é a incumbência da Igreja. E é a tarefa de evangelização que a Igreja do Evangelho Quadrangular dedica-se.