segunda-feira, 20 de abril de 2009

MISSÕES CHINA: OLHOS ORIENTAIS

Missionários: Cristian, Silvia Mohr e seus filhos Jonatas e Mateus

Ásia Oriental Esse foi o chamado que esse casal de jovens brasileiros paranaenses de Curitita, entenderam e atenderam, tiveram seus filhos em um país comunista na Ásia Oriental e lá iniciaram um projeto Olhos Orientais que você conhecera agora. Olhos Orientais: Vendo o mundo sobre uma nova perspectiva. Abre a janela para o oriente2 Reis 13:17a e Isaías 52:7. Os desafios são muitos para os missionários e sua família – língua do país; alimentação; cultura; geografia; perseguição; religiões que são diversas (budismo, lamaísmo, taoísmo, islamismo, animismo, judaísmo, cristianismo e outras) e muitas seitas e heresias; finanças e filhos. Um dos desafios, é a língua desse país da Europa oriental, pois é uma língua tonal, com mais de 60.000 caracteres; dialetos e analogias redentivas. Outro desafio grande é a alimentação, além da alimentação comum que os brasileiros comem, os missionários devem se adaptar pois nesse país come-se um cardápio variado como:Cachorro, Omelete de Larvas, Aranha, Cérebro de Porco, Língua de Pato, Ovo dos 100 anos, Tofu. As Crianças chinesas não tem mãos suficientes para ampará-las elas sofrem com: Aborto, abandono, rejeição das meninas, sem disciplina, crianças como pequenos imperadores são podados em seu direito de ser e agirem como crianças. Outro desafio é o Comunismo e a perseguição aos cristãos e a Igreja que tem sido muito intenso a ponto dos cristãos se reunirem nas chamadas Igrejas Clandestinas para poderem ouvir a palavra de Deus. Alguns projetos de Evangelismo os missionários tem feito, e Deus tem abençoado. Ore por essa família. Se você deseja mais informações ou receber o informativo Olhos Orientais, entre em contato escreva para: E-mail: crishunachina@hotmail.com